Como montar uma ótica com pouco dinheiro?

Publicado por Jéssica Trabuco em 4 de dezembro de 2023

Dá para montar uma ótica com pouco dinheiro sim! A partir de R$30 mil você já consegue abrir o seu estabelecimento, em uma área com cerca de 30 m².

O segredo do sucesso nessa situação é ter um bom planejamento e fechar parceria com fornecedores que entreguem produtos de qualidade com preço justo. Também é fundamental investir em organização e ter uma boa gestão.

Durante o texto eu vou falar melhor sobre valor de investimento para abrir uma ótica e faturamento médio, além de te dar dicas fundamentais para tirar o negócio do papel e transformá-lo em realidade.

Afinal, tem como montar uma ótica com pouco dinheiro?


Como montar uma ótica com pouco dinheiro

Claro que tem! De acordo com o Sebrae, o investimento para montar uma ótica com laboratório próprio fica entre R$41 mil a R$55 mil, mas se optar por uma que trabalhe só com a revenda dos produtos, com algo entre R$30 mil a R$35 mil já é possível.

Lembrando que tem gente que consegue iniciar com menos do que isso. Tudo vai depender do tamanho do seu espaço, sua estrutura, localização e também o público alvo que pretende alcançar.

Não se esqueça do capital de giro

Esse é um ponto fundamental para o seu negócio que você não deve esquecer. O investimento vai além do dinheiro para colocar a loja para andar, é preciso ter uma espécie de caixa para garantir as despesas dos primeiros meses do seu empreendimento e ficar mais tranquilo até que ele comece a dar retorno.

Algumas pessoas guardam 1 ano inteiro, outras 6 meses, algumas menos… O importante é ter um período de tranquilidade em relação a isso.

Veja quanto dá para faturar com uma pequena ótica


Investir em uma ótica mesmo pequena é lucrativo sim. Ainda de acordo com o Sebrae, o faturamento médio de uma ótica fica entre R$35 mil a R$50 mil Reais. Claro que não é uma regra, não é? Tudo vai depender da sua gestão e da forma que leva o negócio.

Já sobre a margem de lucro de uma ótica, ela varia bastante de acordo com cada projeto, mas costuma ficar entre 15% a 22%.

Vamos fazer uma simulação, ok? Digamos que a sua loja fature R$40 mil por mês e sua taxa seja de 20%. Isso significa que no final do mês você vai ganhar livre R$8.800. Eu acho um valor interessante para um pequeno empreendimento.

O que você acha? Está dentro dos seus objetivos?

11 passos para montar uma ótica com pouco dinheiro


Agora que você sabe que dá para começar pequeno e que a ideia é lucrativa, vou te apresentar 11 pontos que vão te ajudar a colocar o seu negócio para funcionar.

Confira todos eles abaixo, adapte de acordo com a sua realidade e comece a agir o quanto antes. Veja:

Qual o valor do investimento para abrir uma ótica

1. Defina o tipo de ótica que você quer ter

Existem dois tipos de ótica e essa é uma das primeiras coisas que você precisa definir sobre o seu negócio. São elas:

  • Ótica básica: É a ótica que vende, fabrica e beneficia lentes em um laboratório próprio ou por meio de terceirização e ainda monte os óculos de grau ou solares;
  • Ótica plena: Ela vende, fabrica, beneficia lentes de laboratório próprio ou de terceiro, monta os óculos de grau e de sol e ainda oferece serviços de exames optométricos pleno, além de comercialização e adaptação de lentes de contato.

De uma forma bem simples, enquanto que a ótica básica pode trabalhar com a venda, montagem e produção de óculos, a plena também além de fazer tudo isso também pode oferecer serviço de atendimento médico e exames optométricos.

2. Escolha o seu público alvo

Independente do tipo de ótica que você decidir montar, é possível escolher um público alvo para focar todo o seu trabalho e conseguir se estabelecer de uma forma ainda mais rápida no mercado.

Por exemplo:

  • Ótica popular: Você vai trabalhar com marcas mais populares, com preços acessíveis e com uma quantidade maior de produtos. Nesse caso também é válido trabalhar com o parcelamento até por boleto dos produtos;
  • Ótica de grandes marcas: Normalmente é uma ótica que trabalha com um público de poder aquisitivo maior, que tem interesse em adquirir óculos de grandes marcas do mercado e pagam por isso.

Para decidir da melhor maneira, você tem que analisar o seu mercado local, para ver a área que tem maior potencial e pode te render mais lucro.

3. Faça o seu planejamento

Depois de tomar algumas decisões como essa você precisa colocar tudo no papel e criar o seu plano de negócios.

Escreva todos os pontos sobre a sua ótica. O tipo escolhido, o público alvo, qual é a estrutura que pretende ter, onde quer se instalar e também o seu orçamento real para investimento.

Com esses dois quadros será possível planejar melhor quais os próximos passos, as estratégias e tudo o que for necessário.

Isso vai te dar mais segurança no trabalho e te ajudará a construir um projeto em cima de uma base sólida.

4. Feche parceria com bons fornecedores

Você precisa trabalhar com empresas e profissionais que entreguem qualidade no produto, já que estamos falando de saúde.

Não pense que esse é um cuidado que deve ser só para os óculos de grau não, hein? Você também tem que se preocupar com o tipo de óculos de sol que vai oferecer para o seu cliente.

Até porque um óculos sem as devidas proteções pode causar um grande mal à saúde das pessoas e eu tenho certeza que você não quer isso para o seu projeto.

Na sua pesquisa, verifique se o local que tem um bom histórico no mercado, se tem preocupação com a qualidade e se tem licença para atuar.

5. Legalize o seu negócio

Não é porque você quer abrir uma ótica com pouco dinheiro que não vai se preocupar com a legalização do negócio. Isso aqui é fundamental!

Minha dica é procurar um contador para cuidar da legalização. Com isso você terá a garantia que tudo será feito conforme a lei e com a maior agilidade possível.

É preciso abrir um CNPJ, buscar o alvará de funcionamento com a Prefeitura e ver a necessidade de licenças de alguns órgãos como o Corpo de Bombeiros.

6. Escolha uma boa localização

O ideal é sempre se instalar em uma área próxima do seu público alvo e que tenha grande fluxo de pessoas passando diariamente.

Se for trabalhar com óculos de marca, procure por bairros de classe A e B, além de shoppings, galerias, rodoviárias e até aeroportos.

Se seu foco for atender ao público mais popular, prefira o centro da cidade e bairros mais populosos.

O mais importante é que o local caiba no seu orçamento e que as pessoas vejam o negócio com facilidade, podendo chegar até ele sem grandes problemas.

7. Monte a estrutura correta

A estrutura de uma ótica vai variar de acordo com o tipo que quer montar, principalmente com a questão do laboratório – Vai montar um ou não?

De antemão, preciso dizer que no início o mais aconselhado é não montar o laboratório e fazer parceria com terceiros. Isso vai evitar que tenha um alto custo na sua estrutura e na contratação de pessoas. Indo por essa linha, com o tempo, mais estabilizado você pode montar o seu. Pense nisso.

A estrutura em si é bem simples e nem precisa ser grande, algo a partir de 30 m² já é suficiente. Você precisa ter um salão bem limpo e luminoso com vários locais de atendimento onde o cliente possa sentar e experimentar os óculos.

Também é importante que outros fiquem em exposição nas vitrines – o que vai servir de chamariz para os clientes.

Uma dica: Tenha bastante espelhos pela loja! Além disso, é preciso ter um balcão/caixa, um depósito, sanitário e copa.

8. Adquira os equipamentos necessários

Qual o primeiro passo para montar uma ótica

Existem alguns equipamentos para ótica que são específicos e você precisa deles para oferecer o melhor serviço ao seu cliente.

Entre eles estão:

  • Ceratômetro: Equipamento que mede a curvatura dos olhos;
  • Lensômetro: Equipamento para medir o grau das lentes;
  • Pupilômetro: Equipamento que mede a distância entre o nariz e a pupila;
  • Equipamentos de conserto em geral: Auxiliarão em pequenos reparos nos óculos;
  • Arquivos para colocar os óculos e lentes prontos para entrega.

Além deles, você vai precisar de outros para equipar o lugar, como computador, impressora, celular, mesas, cadeiras e prateleiras para organizar a loja.

9. Forme uma equipe capacitada

Para ter uma ótica de sucesso você precisa montar uma equipe com profissionais qualificados que estejam prontos a dar o melhor para o cliente.

É imprescindível que os atendentes e vendedores além de conseguirem compreender as receitas e oferecer exatamente o que os médicos prescreveram, sejam educados, simpáticos e atenciosos.

Outro ponto importante é que se você quiser ter seu próprio laboratório, precisará de um responsável técnico pelo trabalho, que seja um óptico optometrista habilitado.

Além desse responsável, você pode contratar também um óptico oftálmico básico ou prático.

10. Cuidado com a administração do seu negócio e atendimento

Para que tudo ocorra bem e você tenha um negócio bem estruturado é importante ler e estudar sobre administração e gerenciamento de um negócio.

Cuide para que a produção dos óculos ocorra de acordo com os prazos estabelecidos para os clientes, nunca se esqueça de dar feedback e tenha um cuidado especial com o pós venda.

Se você souber administrar o negócio bem, você ainda tem mais chance de faturar mais.

11. Divulgue o seu negócio!

Por fim, mas super importante: Invista na divulgação! O seu negócio pode ser o melhor do mundo, mas se as pessoas não souberem disso não vai adiantar nada.

Invista em panfletagem, se quiser carro de som, tenha um perfil ativo no Instagram, faça parceria com influenciadores locais e crie sempre promoções e sorteios.

Se cuidar bem dessa parte, aumentará o alcance da sua marca e conquistará novos clientes sempre.

Dica bônus: Você também pode optar por uma franquia


Se você quer entrar no ramo de óculos, além de criar um negócio do zero você também pode optar pelo setor de franquias. Existem várias no ramo, como a Óticas Carol, Óticas Diniz e várias outras. Porém, geralmente, elas exigem um valor de investimento bem acima do que você gastaria para abrir uma ótica por conta própria.

No entanto, seguindo por esse caminho você terá a possibilidade de já entrar no mercado com um nome forte e reconhecido, tendo um modelo pronto e assessoria de especialistas na área.

Existem muitas vantagens em trabalhar dessa forma e eu acho que vale a pena pensar nessa possibilidade.

Leia também: Como montar uma loja de óculos de sol

Comece a se organizar!


Depois de tanta informação, será muito mais fácil conseguir montar uma ótica com pouco dinheiro aí na sua região.

Espero que meu texto tenha te ajudado e que você alcance todo sucesso que busca.

Muito obrigada pela sua companhia hoje. Um abraço e até mais!

Descubra quais são os Melhores Negócios para abrir com até R$ 500 Reais! Clique no botão abaixo e tenha acesso gratuito à Lista de Negócios mais Baratos para montar atualmente!
Jéssica Trabuco
Sou baiana de Salvador, formada em Jornalismo e fundadora do Negócio de Cozinha. Trabalhei com vendas por mais de cinco anos e estudar e falar de negócios faz parte do meu dia a dia! Sou apaixonada em ajudar o outro a mudar o seu mundo e faço o que estiver ao meu alcance para conseguir!

Deixe o primeiro comentário