Vender água na rua dá dinheiro?

Será que vender água na rua dá dinheiro? Essa é uma dúvida de muitas pessoas e hoje eu vou revelar toda a verdade por trás da venda de água mineral como autônomo.

Há quem diga que vender água por unidades não dá dinheiro, por ser um produto barato. Porém alguns de olho no calor intenso que é algo frequente em todos os lugares não levaram a sério essa ideia de que a venda de água mineral não é rentável e partiu para as ruas com seus produtos.

Eu sei que talvez na sua mente esteja passando aquela imagem de meninos mal vestidos e até mal encarados vendendo água no sinal, mas não.

Estou falando de algo mais sofisticado, onde os vendedores conseguem chamar atenção de uma forma positiva de longe e isso tem aumentado bastante as vendas de água na rua. Confira algumas dicas para começar nesse ramo!

Como vender água na rua?


Será que vender água na rua dá dinheiro
Jairo de Freitas é um vendedor de água mineral na rua que faz sucesso. Foto: Reprodução/Economia.uol.com.br

Não existe formula mágica para isso, mas você precisa se posicionar como um verdadeiro vendedor de água.

O primeiro passo é ter disposição para enfrentar um sol escaldante nas ruas da cidade e atender bem, mesmo não estando tão confortável para isso. Afinal, o melhor horário para vender água na rua é justamente nos momentos de sol mais quente, geralmente entre 10 da manhã e 17 horas da tarde.

Encontrar um local estratégico para vender também é algo de grande importância, afinal quanto maior o público, maior também será a probabilidade de venda.

Então busque cruzamentos de ruas populares de sua cidade, onde tenha um semáforo e haja uma aglomeração constante de veículos nesses horários de maior pico nas vendas.

Fique de olho para não começar vender no ponto onde já exista outro vendedor de água. Então dedique um tempo para pesquisar até achar o seu ponto ideal.

Para vender água mineral na rua ou no farol, por exemplo, você precisa definir o horário de atuação, que pode ser das 10 as 16 horas e o local onde vai vender. Compre também uma caixa de isopor para armazenar os produtos.

Depois você deve procurar fornecedores de água mineral no atacado, com o menor preço possível. Porém prese por algo de qualidade e de preferência que seja marcas mais conhecidas.

Você poderá comprar diretamente em uma distribuidora de água mineral em sua cidade, colocar para gelar em casa e em seguida sair vendendo. Alguns vendedores também optam por comprar nos atacadões, onde é possível comprar garrafas de água mais barato.

Veículo para vender água na rua


Alguns vendedores vão de carro próprio até o local de venda dos produtos. Então fica bem mais fácil levar um isopor grande com gelo e as garrafinhas de água mineral.

Esse é o processo feito pelo Rodrigo de Oliveira, que você conhecerá um pouco mais da história dele logo a seguir, onde ele vende água no semáforo da Rua Estados Unidos, em São Paulo, porém mora a 71 km do local.

Dessa forma é possível vender o dia todo, bastando apenas ir repondo a quantidade de garrafas na mão após cada venda realizada.

Mas e quem não tem um carro, como faz? Nesse caso é preciso buscar alternativas e uma boa estratégia é adaptar uma bicicleta para levar seus produtos até o local de trabalho.

Existem muitos vendedores que já fazem isso e para aqueles que moram mais perto vale até utilizar um carrinho de mão para transportar seu isopor com água mineral para vender.

Caracterização para vender água


Eu sei perfeitamente que o calor está demais e que as pessoas estão comprando mais água mineral nas ruas do que nunca. Mas esse não é o único fator responsável pelo sucesso de alguns vendedores.

As roupas e a criatividade de alguns “empreendedores da rua” é que tem feito com que eles vendam tanto, a ponto de ganhar a vida apenas vendendo água na rua. Portanto se você encontrar um garçom vendendo água na rua, não se assuste, pois ele é um vendedor de água criativo.

A caracterização é tão importante que o próprio vendedor Thiago Pires contou sua experiência para uma reportagem no portal Conews: “Eu comecei vendendo água vestido normal, de camiseta e bermuda, mas percebi que não rendia muito e, às vezes, até via um pouco de medo dos motoristas“.

Então somente depois que passou a usar uma camisa branca com gravata borboleta, uma calça e sapatos sociais foi que o negócio deslanchou de vez.

Talvez você já tenha boa parte das roupas e acessórios necessários, mas se não tiver, saiba que dá para comprar com um investimento bem acessível em lojas de roupas baratas em sua cidade.

Um outro detalhe é a bandeja com um balde de gelo, onde serão colocadas as garrafas de água para vender. Essa é uma característica que lembra muito o garçom servindo champanhe. Então deixa tudo ainda mais chique.

Como vender água mineral

Dicas para vender água na rua


Em todos os negócios isso é importante, mas quando se trata de vender produtos na rua, existem dois pontos que são fundamentais para o sucesso, que é o relacionamento com os clientes e a qualidade nos produtos.

Então vamos falar separadamente de cada um deles e compartilhar outras dicas para ser um bom vendedor de água na rua:

1. Venda água mineral de qualidade

Para vender água mineral na rua e ganhar dinheiro você precisa trabalhar realmente com um produto bom para o consumidor.

Já foi mostrado em algumas reportagens que existiam marcas vendendo água imprópria, se passando por água mineral.

Isso não se faz e por isso eu sempre prego pela qualidade se você quer ter sucesso com um negócio. Então compre de bons distribuidores, verifique sempre a data de validade e gele a água para oferecer algo pronto para o consumo.

2. Atenda bem os clientes na rua

É natural que as pessoas não estão nada felizes no trânsito e ainda mais com um calor intenso. Então seja prestativo, converse com as pessoas mesmo que rapidamente e vá mostrando logo de cara porque ele pode comprar um produto seu.

3. Comece investindo pouco

Esse é um tipo de negócio que precisa ser testado, até encontrar o ponto certo de venda e nem todas as pessoas conseguem obter sucesso, portanto não invista muito dinheiro logo no inicio.

Aplique apenas o que está ao seu alcance e com menos de R$ 200 Reais já dá perfeitamente para começar. Então essa é uma das vantagens de vender água mineral, porque você pode iniciar com pouco dinheiro.

4. Descubra os melhores dias e locais para vender água

O vendedor de água na rua precisa ter um bom faro para identificar as melhores oportunidades. Então veja quais os dias que mais vendem, onde acontecerá algum evento, qual o local favorável para trabalhar e tudo mais.

Existem vendedores que lucram todo o ano vendendo água no ENEM, enquanto outros aproveitam as manifestações para vender ainda mais e assim por diante.

É um trabalho cansativo? Certamente sim e justamente por isso eu acredito que ele não seja para todas as pessoas. Mas se você tem dedicação, gosta de lidar com vendas e está com vontade de trabalhar por conta própria, então pode ser sim um caminho muito interessante e lucrativo.

vender água mineral na rua
Foto: Reprodução/Folha de São Paulo

Exemplo de quem vende água na rua com sucesso


Se inspirar em casos de sucesso é muito importante para conseguir manter o foco na nossa ideia. Portanto, para você que deseja saber se vender água na rua dá dinheiro ou não, certamente o Rodrigo de Oliveira é um exemplo a ser seguido, assim como vários outros que existem nesse mercado.

Ele já trabalhou como motoboy, mas hoje se sente realizado vendendo água na rua. Pois tem a possibilidade de trabalhar com o público, que é algo que ele diz gostar bastante.

Atualmente ele trabalha das 10h as 17h e disse em uma reportagem à Folha de São Paulo que consegue vender até 130 garrafas de água todos os dias, com um preço que varia de R$ 2 a R$ 3 Reais cada.

Inspirado no Rodrigo, o Thiago Pires decidiu fazer o mesmo em Goiânia e começou vender água na rua, após conseguir se livrar da dependência química.

Investiu cerca de R$ 300 Reais para comprar todos os produtos e hoje vende em média 150 garrafas de água por dia, vestido de garçom. Chega a lucrar R$ 800 Reais por semana com esse negócio e é um grande exemplo de sucesso que merece o nosso reconhecimento e serve de inspiração para muita gente.

Leia também: Exemplos de quem ganha a vida vendendo geladinho

Vender água na rua dá dinheiro? Vale a pena?


Vender água dá dinheiro sim! Seja vendendo na rua, no farol ou em eventos é possível ganhar um bom dinheiro, já que a margem de lucro passa de 100% em cada garrafinha de água vendida.

Alguns vendedores chegam a ganhar mais de R$ 2500 Reais por mês vendendo água mineral na rua. Então dá lucro e vale a pena iniciar!

Mas lógico que nem tudo são flores e para ganhar dinheiro é preciso trabalhar arduamente, mas vamos fazer um cálculo básico sobre o lucro nesse negócio:

Se você pesquisar bastante e conseguir comprar de uma distribuidora, poderá pagar cerca de R$ 90 centavos por cada garrafinha de água de 500 ml. Em média elas são vendidas a R$ 2 Reais nas ruas, então você terá um lucro de R$ 1,10 Real em cada uma. Se vender pelo menos 100 unidades por dia, já terá um lucro de R$ 110 Reais diariamente e, nada mais nada menos que, R$ 2600 Reais em 24 dias de trabalho.

Provavelmente você terá o custo de energia para manter a água gelada em casa e o gasto para se locomover até o local de trabalho, mas certamente dá para lucrar mais de R$ 2 mil Reais todos os meses se você conseguir manter um nível de vendas acima de 100 unidades por dia.

Enfim, espero que tenha gostado das ideias e entendido que vender água na rua dá dinheiro de verdade. Lhe desejo muito sucesso e recomendo que veja também o artigo onde nós explicamos como vender água na praia, que é outro modelo de venda muito lucrativo também.

Descubra quais são os Melhores Negócios para abrir com até R$ 500 Reais! Clique no botão abaixo e tenha acesso gratuito à Lista de Negócios mais Baratos para montar atualmente!
José Neto
Técnico em comércio pelo CEEP-BA, experiência em gestão de cursos na área de informática e empresário desde 2011. Sempre foi um apaixonado por pequenos negócios e tudo que envolve o mundo do empreendedorismo.

32 comentários

  • Bom dia amigos! Cheguei em Goiânia essa semana e quero vender água nas ruas pois estou meio rodado o problema e que sou tímido pois venho de uma cidade pequena .tô pedindo coragem a deus .

    • Marcos Silva

      Não tenha medo amigo.
      Basta ser educado com a pessoa mesmo que elas não seja com você e partir para a próxima pessoa e assim fazer a venda da agua.

    • A

      Oi Pedro!
      Não tem jeito amigo, se você está precisando de uma renda, tem que deixar a vergonha de lado e começar vender. Só assim você vai sair dessa situação.
      É importante você ter em mente que vender água na rua não é nenhum motivo para se envergonhar. É uma forma digna de ganhar seu dinheiro, então fique tranquilo e comece seu trabalho.
      Desejo muito sucesso!

  • Alexandre Maciel

    Pense só nos gastos para começar :
    Balde metálico
    Gelo
    Isopor
    Camisas brancas
    Calças pretas
    Gravata borboleta
    Vocês acham que dinheiro nasce em árvores?

    • Juan Felipe Marcelino de Barros

      compre as roupas em brechos ate conseguir o dinheiro,para conseguir o gelo:pegue algumas vasilhas grande e coloque no congelador e apos ficar no ponto certo é so quebrar o gelo

    • João Ricardo

      Pessoas como você, com esse pensamento nunca irão dar certo na vida.

      Mude rapaz!

      • a unica coisa que precisa é de coregem força de vontade e um isopor pra manter a agua gelada

  • jeferson curitiba

    Cuidado com os motoboy no corredor galera , e boa sorte

  • Essa conta não está exatamente correta, pois existema os custos com o gelo, que não é barato. Um saco de gelo pequeno custa em média 10 reais.

  • cleidiane souza

    Estou desempregada no 3°semestre da faculdade e preciso ganhar meu dinheiro pra terminar o curso.
    Aqui na Bahia o sol e escaldante,vende se mais água porém e preciso garra e muitos cuidados pra enfrentar o calorão.
    Estou colocando nas mãos de Deus essa nova ocupacão.

  • É a fiscalização galera? Será que não dá nenhum B.O não? A CETEC costuma confiscar vendedores ambulantes esse é o medo.

  • O meu maior problema é q eu n tenho uma boa comunicação, tenho problemas com minha auto estima e n consigo conversar, mais eu preciso msm conseguir um trabalho pq meus pais n tem condição de me manter, eu tenho varios problemas com meu corpo como por exemplo minha arcada dentaria e meu rosto completamente marcado pelas espinhas, mas eu quero muito vender algo.

    • Christopher Gil

      Brother, você não precisa ter boa aparência para vender água, aliás, você tá ali justamente pra vender água e não pra desfilar. Feio é roubar, ser ladrão, isso que você vai fazer é totalmente o contrário disso, então tenha orgulho de quem você é, tenha orgulho da sua honestidade, tenha orgulho da sua força de vontade, tenha orgulho de tudo que tu faz, do seu sacrifício, das suas conquistas e principalmente dos seus sonhos. O mundo é cruel mas você não pode deixar que isso afete nas suas decisões e te transforme numa pessoa insegura. O primeiro passo para o sucesso é justamente dar o primeiro passo, portanto, vai lá! Bagaça, cara! Você consegue!

      • Concordo com você, muito boa sua resposta , tenha orgulho de si mesmo, coloque Deus na frente e não desista.

  • Moro em Goiania e gostaria de começar a vender agua

  • quais sãos as melhores empresas de águas de qualidade?

  • otimo amanhã msm começo aqui em salvador, obg. me motivou e muito?

  • Bom dia a todos empreendedores . Aqui eu pretendo fazer limonada caseira e colocar nas garrafinhas. Moro perto de uma br 381 e bh saída para vitoria es. Tenho certeza que venderei umas 80 a 100 garrafinhas dias.. O valor ainda nao decidi ja que ainda estou pensando em vender h2o. Mas valeu a todos e bom trabalho e muito dinheiro para nos

  • Estou bem motivada depois desse artigo, preciso juntar uma grana extra pra ajudar em uma
    equipe de serviço voluntário, e surgiu a ideia de vender água. Apesar do receio, estou bem convencida de que é uma ótima e digna estratégia.

  • Samuel nunes

    Galera vendi hj fui tarde das13:00 as14:39 vendi dois fardos de h2o.muito bom esse serviço
    De Curitiba pro mundo kkkkkk

  • Samuel nunes

    Galera vou começar amnha aki em Curitiba e tenho muita vergonha,mas sei que a cvergonha não vai pagar minhas conta e muito menos alimentar minha família. Então partiu vender água e suco.

  • Da vergonha mesmo
    Mas quando vc ver o lucro nas maos passa rapidinho !! E tem pessoas q conseguem mais de 2.000 reais por mes, ganha mais do aquele q trabalha de carteira assinada !!

  • Me desejem sorte … vou começar amanha , Campinas ruy rodrigues

  • ola pretendo vender mas tenho vergonha, o que posso fazer para vence .

    • Velho, eu tambem tinha mas teve um dia que decidi levar minha caixa termica, coloqueias aguas e o gelo e fui, de chinelo,bermuda e camisa mesmo, fiquei apenas 3. Horas trabalhando e vendi uns 40 reais de lucro pois fiz o gelo em casa, se eu tivesse ido de sapato e roupa social tenho certeza que venderia mais pois aparentemente via pessoas ate fechando os vidros…nao senti vergonha pois estava ali fazendo algo honesto, sempre vamos encontrar pessoas sem nocao mas no final do dia compensa, eh o sentimento de ter feito a coisa certa!o ideal eh vender em portas de eventos, manifestacoes etc pois ha a possibilidade das pessoas virem ate voce, mas ainda assim eh uma otimo opcao vender no transito.

  • rodrigo o filho

    Cem agua sem o alimento niguen viver !!!!!”!!!

Deixe o seu comentário