Tabela de preços spa dos pés: Quanto cobrar pelo serviço?

Publicado por Jéssica Trabuco em 7 de março de 2023

Está precisando construir sua tabela de preços spa dos pés, mas não faz ideia de por onde começar? Eu te entendo! Assim como você, tem muita gente que sente dificuldade em cobrar por um serviço oferecido, é normal.

A boa notícia é que saber o valor justo para você e para o seu cliente, é mais simples do que se imagina e eu vou te ensinar.

É preciso considerar uma série de fatores que vão variar de acordo com região e profissional. A gente tem que contar os materiais utilizados para spa dos pés, o tempo de trabalho por tratamento, o grau de dificuldade e até como anda o mercado da região.

Colocando tudo isso na ponta do lápis é possível bater o martelo em relação a isso com bastante tranquilidade. Quer ver? Fica comigo até o final e aproveita!

O que você precisa considerar na hora de criar uma tabela de preços spa dos pés

Tabela de preços spa dos pés

Provavelmente existem outros pontos que podem ser considerados, porque como te falei, tudo vai variar de pessoa para pessoa. O que eu trouxe aqui é o básico, que você não pode deixar passar de jeito nenhum.

Veja:

Calcule o custo dos materiais utilizados por serviço

O primeiro passo para saber quanto cobrar é entender qual é a lista de material para spa dos pés que serão utilizados. Para cada um dos serviços oferecidos, quanto você gasta só com os materiais?

Por exemplo, digamos que você tem um creme de 50 gramas que custa R$30 e usa 5 gramas a cada hidratação. Isso significa que nesse tratamento, só desse creme você tem um custo de R$3. Entendeu?

É preciso fazer esse cálculo com tudo que for utilizado. Produtos, lixa, palito, papel filme, tudo!  Só depois de entender o seu valor base é que será possível cobrar algo que te permita ter lucro.

Conte a sua hora trabalhada

Essa é outra estratégia que pode ajudar bastante na criação da sua tabela de spa dos pés. O primeiro passo é definir o valor que acha ser justo para ganhar em um mês. Digamos que seja R$1.500.

Agora vamos analisar quantas horas vai trabalhar por semana. Se você atua de segunda a sábado, 6 horas por dia, significa que no final da semana trabalhou 36 horas. Pensando em um mês (que tem 4 semanas) isso significa 36 x 4 = 144 horas.

Agora vamos pegar os 1500 e dividir pela quantidade de horas trabalhadas. Vai dar R$10,41. Isso significa que você não pode lucrar menos do que isso em uma hora de trabalho. Entendeu? Ter esse controle vai te ajudar a cobrar de uma forma mais justa.

Considere o grau de dificuldade para cada cliente

Eu não tenho como dizer quanto custa uma sessão de spa dos pés sem lembrar que cada paciente terá seu grau de dificuldade. Pessoas com pequenas rachaduras serão mais fáceis de tratar do que alguém que tem uma pele mais grossa e que esteja com muita calosidade, por exemplo.

Então, já converse com o seu cliente que apesar de existir um valor base para determinados serviços, em situações específicas onde o trabalho será maior, haverá uma taxa a mais a ser cobrada.

Lembre-se do benefício do seu trabalho

Algumas pessoas acham que se a gente realiza um procedimento em poucos minutos não devíamos cobrar um valor x. Isso porque na cabeça delas, se a gente faz rápido não existiu dificuldade na realização da tarefa. Só que as coisas não funcionam assim.

Se você consegue fazer um tratamento de hidratação e calosidade em 45 minutos, por exemplo, foi porque estudou bastante, praticou e se aprimorou profissionalmente. Você investiu em você para chegar até aí, sabe? Não foi fácil!

Sem falar no tanto de benefício que o seu conhecimento e expertise vai levar para aquela pessoa. Não é só ter um pé mais bonito, é ter mais saúde, mais conforto! Isso precisa ser levado em consideração também na hora de montar sua tabela de preços spa dos pés.

Quais os custos operacionais?

Isso aqui serve tanto para quem trabalha a domicílio, quanto para quem tem um estabelecimento. As duas categorias assumem um custo mensal para conseguir trabalhar e a gente não pode esquecer disso.

Quem trabalha de casa em casa precisa investir em bags de transporte, em transporte e alimentação, por baixo. Quem tem um local fixo tem custo de aluguel, água, luz, internet, profissionais, produtos, materiais e muitas outras coisas.

Você precisa saber exatamente qual é o seu custo mensal porque os seus atendimentos precisam ser capazes de cobrir todos eles.

Se você tem um custo de R$2 mil no mês, por exemplo, e tem uma média de 5 atendimentos por dia, de segunda a sábado, que dá 120 no final do mês, significa que no mínimo, terá que lucrar R$16,70 por cliente.

Pesquise os seus concorrentes

Por fim, pesquise o mercado da sua região! Veja o preço que os seus concorrentes estão cobrando, o que está incluso no spa dos pés de cada um deles, quais os produtos estão utilizando e toda outra informação que possa te ajudar.

A ideia não é cobrar a mesma coisa, porque como te falei, cada caso é único. O foco aqui é entender qual é a média que o público da região está acostumado e não se afastar muito disso de primeira.

Com o tempo, no entanto, você terá mais liberdade em relação a sua tabela de preços, mas para iniciar no mercado, não dá para ficar tão acima ou abaixo do que já acontece.

Modelo pronto de tabela de preços spa dos pés

Apesar de ter mostrado como cobrar o spa dos pés, eu resolvi trazer um modelo de tabela para te inspirar a criar a sua por aí. Provavelmente os preços não vão servir para sua situação, mas dá para aproveitar isso para ter uma ideia do que fazer.

Veja:

Tabela de Spa dos Pés

Remoção de calosidadeR$ 40,00
Remoção de verrugaR$ 35,00 por seção
Unha encravadaR$ 40,00
Rachaduras e fissurasR$ 40,00 por seção
Corte de unhaR$ 20,00
HidrataçãoR$ 25,00
ReflexoterapiaR$ 50,00
Pacote Spa dos pés (com hidratação + reflexoterapia + rachaduras + calosidade)R$ 120,00
tabela de spa dos pés

Conteúdo Recomendado:

Comece a calcular!

Agora você não só tem um modelo pronto para se inspirar, como sabe tudo que é importante calcular para criar uma tabela de preço de spa dos pés que seja justa para todas as partes.

Espero que o meu texto tenha te ajudado.

Obrigada pela companhia e até mais!

Descubra quais são os Melhores Negócios para abrir com até R$ 500 Reais! Clique no botão abaixo e tenha acesso gratuito à Lista de Negócios mais Baratos para montar atualmente!
Jéssica Trabuco
Sou baiana de Salvador, formada em Jornalismo e fundadora do Negócio de Cozinha. Trabalhei com vendas por mais de cinco anos e estudar e falar de negócios faz parte do meu dia a dia! Sou apaixonada em ajudar o outro a mudar o seu mundo e faço o que estiver ao meu alcance para conseguir!

Deixe o primeiro comentário