Como fazer rapadura de cana? Receita tradicional para vender

Você sabe como fazer rapadura de cana? Hoje vamos falar sobre o assunto e você poderá aprender melhor sobre isso. Que tal começar a fazer a receita? Caso você não saiba, não se preocupe, irei te ensinar.

A rapadura é um doce feito com cana e que é bem comum no nordeste, mas a depender da cultura local pode ser vantajosa para que você possa vender.

Fazer rapadura não é tão fácil, mas se você tiver paciência, conseguirá produzir o melhor. É importante saber que precisará de materiais para poder conseguir realizar toda a produção.

Como é um belo exemplo entre os doces caseiros para vender, seu processo de produção será facilitado e você poderá realizar todo o trabalho dentro da sua cozinha.

Fique tranquilo, eu estou aqui para te ajudar e vou te apresentar tudo que é preciso para conseguir fazer a produção e ter um bom resultado. Vem comigo!

Vender rapadura dá dinheiro?


Fazer doces para vender é um negócio que tem ajudado muitas famílias Brasil à fora. Claro que tudo depende da forma como você encara o negócio e do jeito que resolve trabalhar, mas a rapadura pode sim te ajudar a ganhar dinheiro.

Pode ser mais um doce do seu cardápio que você pode oferecer não só para o consumidor final, como também para bistrôs, para padarias, para mercadinhos, para cafeterias e até mesmo para docerias.

Se você pensar fora da caixa, tenho certeza que conseguirá um bom resultado. O custo para produção da rapadura não é alto e a sua margem é boa, mesmo sendo um produto barato.

A questão aqui é que você precisa ter a disposição total para se dedicar 24 horas pelo seu sonho e fazer com que ele aconteça de verdade. Está pronto para isso? Porque se tiver é hora então de saber como fazer rapadura de cana.

Como fazer rapadura de cana: Passo a passo


A partir de agora você vai entender melhor como fazer rapadura de cana e eu espero que ao fim deste texto você entenda todo o passo a passo.

A primeira coisa que você precisa saber, que é básica, é que a rapadura é feita com o caldo da cana-de-açúcar quente e tem um sabor muito doce.

Embora seja algo calórico, ela é composta por flúor, ferro e vitaminas, além do teor energético alto. Talvez você não saiba que apesar de ser um doce famoso no nordeste, a fabricação surgiu nas ilhas Canárias, localizadas no Atlântico.

Eu também fiquei surpresa!

Agora vamos ao que interessa, ok? Aprenda como fazer rapadura de cana para vender:

1. Retire as impurezas do caldo da cana

como fazer rapadura de cana

Ao extrair o caldo da cana, é necessário peneirá-lo com um material de malha fina (o revestimento deste equipamento pode ser de cobre, inox ou nylon). Este primeiro momento é feito para retirar as impurezas do líquido.

Depois de peneirar, você precisa deixar o caldo em repouso por 15 minutos (ou mais), esse processo é utilizado para decantação das impurezas restantes, esse passo é muito importante para realizar os demais.

Após o processo de decantação, você precisará colocar o líquido em tachos de cobre, para aquecê-los.

Neste procedimento as impurezas que ainda estiverem no caldo irão emergir e ao vê-las, você deve pegar uma concha (ou escumadeira) para retirá-las.

A limpeza é importante, principalmente que o destino é alimentar alguém. Além disso a retirada das impurezas permite um doce com mais qualidade e coloração mais agradável.

Tenha bastante atenção nesse processo, embora pareça cansativo, é necessário toda atenção para deixar o líquido mais puro possível, ok? É o primeiro e mais importante dos passos de como fazer rapadura de cana.

2. Cozinhe o caldo de cana

Antes de seguir para este próximo passo, é importante saber que na fase anterior algumas impurezas podem ficar aglutinados na parte mais fria do equipamento, lembre-se de remover tudo.

Ao longo do cozimento o caldo começa a perder água e o resultado é um líquido mais grosso e amarelado, para saber se está perto do fim é necessário usar um termômetro, o líquido deve estar entre 114º e 120ºC.

Caso você não possua um termômetro, existe uma forma de entender se o líquido está no ponto certo: é necessário adicionar gotas do caldo em um prato de água fria. No resultado você verá a massa se transformando em aspecto de bala, onde as bordas poderão descolar de forma mais rápida.

Depois que cozinhar, você pode pegar a massa do tacho com uma concha e colocar em cochos de madeira, agitar com uma espátula até que o líquido esteja pronto para virar uma rapadura.

3. Modele a rapadura

como fazer rapadura para vender

Antes de modelar a rapadura é necessário realizar o processo de resfriamento antes. Para isso você vai precisar de ingredientes para acrescentar na receita, a escolha da substância fica por sua conta, mas coco, amendoim, leite ou abóbora pode ser uma das opções para acrescentar.

Caso você opte por usar coco ou amendoim, lembre-se de que é necessário torrá-los, caso a opção seja a abóbora, você deve ralar. Independente da escolha, é necessário torrar ou ralar antes do processo de resfriamento.

Após finalizar o processo de resfriamento, você irá seguir para a fase de modelagem. Você precisará usar uma concha para transferir o líquido, e colocar em formas que são feitas para modelar.

Depois que resfriar você vai embalar de um modo que não haja ar entre a superfície e a embalagem, caso isso ocorra isso pode alterar a qualidade do material.

fazer rapadura para vender dá dinheiro

4. Embale as rapaduras para vender

Se você já viu imagens de rapadura, poderá ver que são vendidos em cubos (tipo tijolos). As maiores possuem entre 600 e 1200 gramas, mas caso você queira comercializar em versões menores, pode vender os que possuam entre 25 e 50 gramas.

Você pode embalar com filmes plásticos, papéis de bala ou até mesmo caixas de papelão. Em alguns casos é usado um papel próximo ao papel manteiga. A ideia é que a forma de consumo seja a mais prática possível.

Se for usar as versões pesadas é importante utilizar sacos plásticos. Caso o consumo seja demorado, use papel tipo tríplex, assim irá evitar que haja bolores no doce.

Embale cada rapadura de forma individual e obtenha dados sobre os componentes presentes no doce e informações exigidas por lei, como por exemplo: data de validade, produção, ingredientes, dados nutricionais e nome do fabricante.

Após inserir essas informações você poderá comercializar as rapaduras.

Lembre-se que o cuidado com cada receita é importante, para que você possa oferecer o melhor aos seus clientes. Não se preocupe, no início tudo pode parece difícil, mas ao pegar o ritmo você irá realizar a produção com tranquilidade. Tenha foco em alcançar seus objetivos e conseguirá!

Descubra quais são os Melhores Negócios para abrir com até R$ 500 Reais! Clique no botão abaixo e tenha acesso gratuito à Lista de Negócios mais Baratos para montar atualmente!
Jéssica Trabuco
Sou baiana de Salvador, formada em Jornalismo e fundadora do Negócio de Cozinha. Trabalhei com vendas por mais de cinco anos e estudar e falar de negócios faz parte do meu dia a dia! Sou apaixonada em ajudar o outro a mudar o seu mundo e faço o que estiver ao meu alcance para conseguir!

1 comentário

  • Antonio Celio Soares

    Jéssica meus parabens pelos seus artigos,esta aqui grande ajuda pra aqueles querem vencer e ser uma pessoa produtiva e deixar-se de lamentar.Exemplo eu pretendo fabricar rapadura.ate mais

Deixe o seu comentário